IT Forum 365

HPE e universidade do Paraná se unem para auxiliar empresas na transformação digital

No processo rumo à digitalização, empresas precisam, além de se atentar às questões de negócios, apostar em treinamentos de como implementar e usar as tecnologias; cursos abordam temas como big data e segurança da informação

Para atender às demandas da transformação digital, a tecnologia evolui a cada dia. Nos últimos anos, os escritórios tradicionais perderam espaço para o trabalho remoto, etapas de linhas de produção foram substituídas por robôs e aplicações de Internet das Coisas (Internet of Things, ou IoT), com uso de sensores, adicionaram inteligência a objetos antes desconectados. Como acontece com todo novo processo, é preciso que a empresa esteja preparada para recebê-lo. Isso porque não se trata apenas de instalar um software e pronto. Além de se atentar às questões de negócios, a treinamento de usuário final, à implantação de novos procedimentos e a formas de usar a tecnologia, a área de TI precisa ser revista.

A HPE, em conjunto com Unicesumar, instituição de ensino superior de Maringá (PR), começou a disponibilizar uma série de cursos à distância para auxiliar a TI no processo rumo à digitalização. “Os cursos vêm ao encontro dos objetivos da instituição, que é oferecer inovação e qualidade educacional por meio de uma metodologia totalmente online, capaz de alcançar pessoas de qualquer local”, afirma a head de projetos educacionais e inovação da Unicesumar, Camilla Cochia. Saiba, a seguir, alguns dos treinamentos:

1. Introdução a FlexNetwork (30h)
Os principais protocolos e recursos usados, atualmente, em ambientes de pequeno, médio e grande portes, com conceitos de arquitetura de redes e VLANs (Virtual LANs, ou redes locais virtuais), roteamento estático/dinâmico e empilhamento de switches. Por meio da tecnologia, é possível agrupar várias máquinas de acordo com critérios como grupos de utilizadores, setores e tipo de tráfego.

2. Big Data Overview (10h)
A perspectiva é de que o mercado de big data movimente, até 2022, US$ 7,41 bilhões na América Latina, segundo a consultoria Frost & Sullivan. Por meio de softwares, a tecnologia é capaz de analisar e interpretar um grande volume de informações coletadas, identificando comportamentos de consumo e tendências. Nesse curso, é possível conhecer outras vantagens e os desafios da ferramenta, além de os indicativos necessários para iniciar trabalhos com grande volume de dados.

3. Introdução a SAN (20h)
E em meio a dados vindos de vários locais, como dos sensores de IoT, a Storage Area Network (SAN) permite o armazenamento em um mesmo local de rede com a possibilidade de compartilhamento entre usuários. Dessa forma, fica mais fácil permitir que equipes de trabalho (dentro ou fora da empresa) tenham acesso a arquivos de maneira sincronizada. O curso aborda as topologias e os protocolos da SAN, como o Fibre Channel, com as principais tarefas de administração de rede de alta disponibilidade.

4. Introdução a Servidores (40h)
O curso mostra como armazenar e proteger adequadamente os dados. Aborda, ainda, os conceitos centrais usados em servidores de pequeno, médio e grande portes, passando pelas arquiteturas de servidores de Rack e Blades.

Para mais informações acesse www.universoead.com.br.

Saiba mais:
“Não é uma nova marca, é uma nova era para a companhia”, diz CEO da HPE
Bem-vindo à Economia das Ideias

 

Imagem: Depositphotos

Comentários

Notícias Relacionadas

IT Mídia S.A.

Copyright 2017 IT Mídia S.A. Todos os direitos reservados.